Escolha uma Página
Momentos de Reflexão – Essência e Aparência

Momentos de Reflexão – Essência e Aparência

Em tempos de competição, exigências e expectativas cada vez mais altas, deve-se ponderar os motivos que as pessoas têm para aprender. O que precisam, realmente, colocar na mochila para tornar a vida menos medíocre. Aspectos que os conteúdos não cumprem de imediato....
Como fazer valer a pena: esse é o sentido da vida

Como fazer valer a pena: esse é o sentido da vida

Como fazer valer a pena: esse é o sentido da vida Reeducar-se para fazer a vida valer a pena, foi o tema de hoje, chamando a todos para serem protagonistas de sua própria história, olhando para como você está e mirando para onde você quer chegar, ou seja quem você...
Precisamos nos dedicar realmente a tudo que fazemos

Precisamos nos dedicar realmente a tudo que fazemos

Precisamos nos dedicar realmente a tudo que fazemos É preciso pensar a médio e longo prazo, desde que se queira uma carreira ao invés de somente um emprego, há necessidade de uma formação continuada, pesquisa constante, dedicar-se mesmo à observação, levantamento de...
SÉRIE REFLEXÕES PARA OS TEMPOS DE HOJE: 5º artigo

SÉRIE REFLEXÕES PARA OS TEMPOS DE HOJE: 5º artigo

Pontuando para fechar esta primeira série de reflexões: Ética: da Grécia – “Ethos”, se refere aos valores humanos absolutos e atemporais, os quais são consolidados com o tempo; Moral: de Roma – “Morus”, se refere aos costumes que, tal como os paradigmas, são mutáveis...
SÉRIE REFLEXÕES PARA OS TEMPOS DE HOJE: 4º artigo

SÉRIE REFLEXÕES PARA OS TEMPOS DE HOJE: 4º artigo

É necessário resgatar o que é ético a partir de sua concepção original, visto que a ética é geral, comum a todos os seres humanos. É um processo construído de dentro para fora, tal qual é o processo de aprendizagem e tem que estar, necessariamente atrelada aos valores...
SÉRIE REFLEXÕES PARA OS TEMPOS DE HOJE: Artigo 03

SÉRIE REFLEXÕES PARA OS TEMPOS DE HOJE: Artigo 03

Uma ética e uma Educação planetárias pedem respeito à diversidade e à cultura dos povos. É preciso sairmos do aprisionamento causado pelo narcisismo, pelo egoísmo, pela falta de empatia e de alteridade. O coletivo tem sido deixado de lado a bem dos interesses...